Artigos | 10 Janeiro 2015

Um giro pelas Mídias Sociais – Aspectos e tipos de Mídias

Na atualidade, fala-se de mídias sociais com frequência. As menções sobre este meio não se limitam apenas aos computadores.

por

aspectos-e-tipos-de-midias-sociais

As mídias sociais também estão presentes nos celulares, nas televisões, nos outdoors e nos rádios, porém dificilmente um usuário destas ferramentas consegue esclarecer o que de fato elas são.

A penetração deste meio é tão grande na sociedade atual, que é como se estas mídias sempre estivessem presentes, como algo inato do homem e que, sendo assim, não há uma explicação para a sua existência. A verdade é que boa parte das pessoas amam as mídias sociais. Esta afirmativa se comprova ainda mais no Brasil, onde o país já foi denominado pelo Wall Street Journal como a capital da mídia social no universo.

Mídias sociais são ferramentas que possibilitam a comunicação, o compartilhamento de informações, opiniões, dicas e proporcionam assim a participaçãodos usuários na rede. Estas podem ser usadas como uma forma de diversão, educação, distração, com um objetivo financeiro, para aprimoramento intelectual (através da inteligência coletiva), para relacionamentos e etc. Os usuários moldam a funcionalidade de uma mídia social, de acordo com suas vontades. A Web 2.0 viabiliza as mídias sociais, pois possibilita plataformas para o surgimento de blogs, wiki, redes sociais, sites de compartilhamento de vídeos/fotos e fóruns de discussão.

Existem diversos tipos de mídias sociais, as redes sociais são as mais conhecidas. Estes dois termos costumam criar confusão em relação ao seu conceito e chegam a ser citados como equivalentes, entretanto, são diferentes. As redes sociais fazem parte do grupo de mídias sociais. As redes sociais como o próprio nome sugere, se referem à criação de relacionamentos em forma de rede, onde os usuários interagem entre si, compartilhando links, textos, áudios, fotos e entre outros. A mídia social, por sua vez, tem foco no compartilhamento de conteúdo e não na geração de relacionamento. Outras ferramentas também compõem o universo de mídias sociais, são essas as: de editoração, microblogs, de compartilhamento de fotos, áudios e vídeos, os livecasting, mundos virtuais, jogos e interpessoais.

As mídia sociais incluídas na categoria de editoração permitem a edição de textos e a postagem destes na internet. Estas mídias possuem como prioridade o compartilhamento de conteúdo. O relacionamento é até gerado, porém fica em segundo plano. Nesta categoria encontram-se o Wikipédia, WordPress e o Blogger. Os microblogs, por sua vez, restringem a comunicação em 140 caracteres, o Twitter é um dos maiores representantes desta ferramenta. As mídias de compartilhamento de fotos (Pinterest, Instagram e Flickr), vídeos (Videolog, Youtube, Vimeo e Dailymotion) e aúdios (LastFm, Itunes e Podcast.net), possuem como função o compartilhamento de arquivos entre usuários. Há também o livecasting (Juntin.Tv, Live365, Twitcam e SHOUTcast) que se diferencia das mídias de compartilhamento, por se tratar de uma categoria que permite transmitir streams de vídeo e áudio aos vivos na rede. As ferramentas interpessoais também fazem parte das mídias sociais e são focadas no contato pessoa a pessoa (P2P), por exemplo, Skype, Gtalk, MSN e WhatsApp

Dentro do universo das mídias sociais, há também as plataformas de jogos e mundos virtuais. Estas são bem semelhantes, porém nos jogos cenários diferentes da vida real, enquanto os mundos virtuais imitam a vidacom aspectos que se relacionam ao cotidiano humano, exemplificando: Neopets, Habbo e Second Life. Existem várias divisões entre osjogos, porém vale destacar duas categorias na qual os usuários precisam interagir entre si para permanecerem jogando, são essas: os jogos sociais (CandyCrush, Café Mania e Farmville) e os Massive Mutiplayer Online (Tibia, World Warcraft e Ragnarok), que são jogos onlines capazes de suportar diversos jogadores simultaneamente.

Todas estas categorias de mídias sociais possuem em comum a socialização, em nenhuma delas o usuário está sozinho, em todos os formatos ele se encontra interagindo com alguém. É perceptível o quanto as mídias sociais afastam e aproximam o ser humano ao mesmo tempo. Épossível afirmar que este talvez seja o maior paradoxo das mídias sociais, apesar de no próprio nome cunharem a ideia de sociabilidade, estas acabambanalizandoo relacionamento. Atualmente, não é preciso ligar para alguém para desejar feliz aniversário, é possível fazer isto por meio do Facebook, também não é mais necessário marcar uma reunião presencial para realizar um trabalho, é possível se “reunir” através de uma conferência no Skype. O relacionamento realizado nas mídias sociais não se assemelha ao realizado navida real, estes são gerados mais rapidamente, porém podem chegar ao fim com a mesma agilidade.

O mundo das mídias sociais é extenso e praticamente impossível de se resumir em palavras, afinal é difícil descrever algo tão mutável e tão presente ao nosso redor. Falar de mídias sociais é como realizar uma autobiografia, afinal nas mídias sociais nós nos expomos e falamos da nossa vida pessoal com frequência. Esse livro autobiografico que tanto amamos só tende evoluir e cada dia mais escreveremos uma página nos diversos meios de mídias sociais.

Compartilhe

Share this:

Posts relacionados

Analista de Mídias Sociais x Marcas

porBarbara Vilas

Artigos

Analista de Mídias Sociais x Marcas

Métricas nas Mídias Sociais

porBarbara Vilas

Artigos

Métricas nas Mídias Sociais

Sobre o Autor

Barbara Vilas

Publicitária, fã de mídias sociais, apaixonada pela família e por alguns ídolos do R&B. Hoje, trabalho com monitoramento e interação em redes sociais, amanhã, só Deus sabe. Aquela que trará boas notícias de marketing digital e questões num ponto de vista diferente sobre o design e a comunicação.

Ver Todos os Posts

Fique por dentro de todo conteúdo do DesignFera!